Conheça um pouco da vida e obra desse grande autor. Particularmente é um dos meus escritores favoritos, e foi com ele que eu aprendi a gostar do estilo de terror, suspense em todas as obras. O estilo gótico desse maravilhoso autor me cativou, e tenho certeza que chamara a atenção das pessoas que curtem uma boa leitura. 

Allan Poe, Edgar

Poe nasceu em Boston, dia 19 de janeiro de 1809. Nasceu com o nome de batismo de Edgar Poe, e só após sua mãe falecer, com 3 anos de idade, foi adotado pelo casal Francis e John Allan, daí seu sobrenome do meio. Passou sua infancia com os pais adotivos, em Richmond. Edgar teve um ensino rispido por conta disso, e sua criatividade era enorme. Quando jovem, Edgar teve uma discussão com seu pai adotivo, e resolveu servir as forças armadas, ficando lá por 2 anos. Assim que voltou para casa, voltou com novas ideias, e resolveu escrever profissionalmente. Em Julho de 1827 publicou sua primeira coletânea de contos, intitulada "Tamerlane and Other Poems". Trabalhou em jornais e revistas da região, como crítico literário e colunista. Morou em várias cidades, uma delas Baltimore, onde se casou com sua própria prima, de 13 anos de idade, chamada Virginia Clemm.


O Escritor que marcou história

Edgar Allan Poe é respeitado no meio literário por vários pontos marcantes em sua carreira. Foi o primeiro escritor que resolveu viver somente das suas obras, na época tal feito era impossível, por isso Poe sofreu muito com isso, financeiramente, mas conseguiu. Foi o primeiro escritor a trazer a narrativa gótica em seus contos de maneira aberta, confessando que vazia seus contos para esses grupos específicos. Sofreu tanta pressão dos leitores desse nicho, que foi pressionado a fazer a maioria de suas narrativas neste estilo. Poe também publicou Os Assassinatos da Rua Morgue ("The Murders in the Rue Morgue"), em 1841, ficando registrado sendo a primeira história com narrativa policial investigativa (sim senhores, bem antes de Sherlock Holmes).

Descobriu o Big Bang antes de todos!

Escrevendo "Eureka: Um poema em prosa", em 1848, Poe previu o descobrimento da teoria do Big Bang oitenta anos antes do seu surgimento. Com isso também colocou em pauta precocemente o paradoxo de Olbers. E o mais interessante é que Poe ignorou os métodos científicos (afinal ele não era um cientista), e utilizou apenas sua intuição.

Morte Misteriosa

A morte do mestre o terror gótico é cheia de mistérios. Edgar Allan Poe foi visto pelas ruas de Baltimore em outubro de 1848. Ele estava com roupas que não eram suas, e caia agonizando no chão, com delírios alcoolicos. Foi socorrido e morreu 4 dias depois. Ele nunca conseguiu durante os 4 dias de dor que passou no Hospital, explicar oque tinha acontecido, dizendo apenas uma única frase: "Senhor, por favor ajude minha pobre alma".

Algumas obras do escritor

Listo aqui agora, alguns contos de que particularmente mais gosto do escritor, alguns bem famosos, outros nem tanto, mas recomendo a leitura para quem curte um bom conto clássico de terror.

Berenice: Um homem chamado Egeu, fascinado pelos dentes de sua amada, acaba por enlouquecer. Uma narrativa forte e perturbadora sobre cadáveres.

Os Assassinatos da Rua Morgue: O mais famoso do escritor, de fato. Conta a investigação de dois brutais assassinatos na rua que da nome ao conto. Tem como Protagonista o detetive C. Auguste Dupin, que usando sua grande inteligencia, desvenda o mistério.

The Black Cat: Uma fixação por um gato chamado Pluto leva um homem a sua queda. Edgar Allan Poe disse que o nome do gato ser chamado de Pluto faz referencia direta ao Deus Grego do inferno, e que sua esposa dizia que gatos pretos são bruxas disfarçadas.

O Enterro Prematuro: O nome já descreve a própria história. Aqui o escritor narra como seria um sepultamento de alguém vivo.

O Coração Revelador: Um tipo de reboot da obra do gato preto, mas sem o animal. Neste o foco é um homem que se sente furioso pelo seu companheiro de teto ter somente um olho. Oque ele não sabia é que seu remorso seria maior que o coração do idoso.

Os Fatos que Envolveram o Caso Mr.Valdemar: Para mim o mais forte de Poe esta neste conto. Uma narrativa sobre um suposto caso que envolvia uma hipnose à um homem moribundo. Na época o conto fez um enorme barulho por parte das pessoas que enviaram centenas de cartas ao escritor perguntando se o caso era real. Bem mais tarde, anos depois, Poe em entrevista disse numa entrelinha: P.S. É obvio que que o caso do Valdemar é falso.

A conversa de Eiros e Charmion: Dois seres, que foram renomeados na história para Eiros e Charmion após a morte, discutem a maneira pela qual o mundo acabou. Eiros, que morreu no fim do mundo, explica os motivos a Charmion, que morreu dez anos antes. Alguns arriscam dizer que Poe elucida que um dos seres é na verdade Deus... e o outro... bom, leiam o conto.


Algumas homenagens para Edgar Allan Poe na TV e Cinema

The Following, foi uma série que trouxe a hitória de um serial killer que matava com várias referencias as obras de Edgar Allan Poe, na imagem acima, o detetive Ryan Hard encontra máscaras de Poe.

Orgia da Morte, baseado no conto A Máscara da Morte Rubra ("The Masque of the Red Death"), fala sobre uma peste que assola um reino distante.

Em Histórias Extraordinárias, o filme traz tres contos em uma só antologia, “Metzengerstein”, “William Wilson” e “Nunca aposte sua cabeça com o Diabo”.

No filme O Corvo (2012), assim com em The Following, um serial killer começa a matar seguindo referencias de Edgar Allan Poe.


Bom é isso pessoal, espero ter trazido para este artigo, o melhor desse escritor fabuloso, que mudou e modernizou os contos de terror e suspense.

E você, gosta de algum conto em específico? Conhece um outro filme ou série que também fez referencia das obras do escritor? Deixe nos comentários. Eu e a equipe do Mundial Geek agradece!

Edgar Allan Poe Frases
Edgar Allan Poe Poemas

Deixe o seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem