Ícone da dramaturgia brasileira, sua história se confunde com o início da história das telenovelas no Brasil. Difícil pensar em novelas e não lembrar de Tarcísio Meira, ao lado de sua esposa de toda a vida Glória Menezes, tendo o par ideal romântico de todo o Brasil, casal 20. Nascido em 05 de Outubro de 1935 em São Paulo, Tarcísio Pereira de Magalhães Sobrinho tentou mesmo ser diplomata antes de começar a atuar profissionalmente. Sua estreia foi no teatro em 1957, na peça A Hora Marcada e deu segmento em 1959 já alcançando êxito em O Soldado Tanaka. Ficou muito popular como galã, deu vida a grandes personagens trazendo a imagem de sua geração, interpretou personagens marcantes como o Joao Coragem na novela Irmãos Coragem (1970 )

Sua estreia nas telinhas foi na TV tupi em um teleteatro, Noites Brancas dirigido por Geraldo Vietri em 1959, deu segmento ainda na TV Tupi em Uma Pires Camargo em 1951 onde contracenou pela primeira vez com aquela que viria a ser sua eterna companheira, Glória Menezes. O tempo de carreira dele está entrelaçado ao seu tempo de casado sendo 60 anos de carreira e 59 anos de casado, não havia casal mais perfeito do que Tarcísio e Glória. Ocupado (1963) foi a primeira telenovela diária da televisão brasileira na emissora Excelsior e Tarcísio Meira estreou como o primeiro galã, se tornando assim referência de toda a sua geração. Ele possui características próprias de seu tempo como porte altivo mas uma amabilidade ao falar, sua gentileza era transparente nas suas atuações. Conseguimos ver em suas atuações o arquétipo do homem ideal atemporal, assim ele foi referência durante muitos anos, não somente por sua beleza física como por seu profissionalismo por trás das câmeras, sempre muito reverenciado por seus colegas, nunca houveram escândalos envolvendo o seu nome. Ainda atuou em mais sete novelas na mesma emissora até ir com sua esposa para a TV Globo.


Na nova emissora agora eles estreiam em Sangue e Areia, esse era o início de uma carreira esplêndida na dramaturgia brasileira obtendo êxito por atuações excelentes em seus personagens. Tarcísio Meira iniciou não apenas a sua carreira, mas deu vida a TV brasileira em si em suas atuações marcantes. Chamo atenção aqui para a veracidade com a qual atuava, era criança quando assistia suas novelas na televisão, minha memória afetiva está muito associada a ele. Alguns outros atores fizeram parte desse inicio das novelas brasileiras como Cláudio Cavalcanti, outro que se foi, Milton Gonçalves e cláudio Marzo parte do elenco de Irmãos coragem também mas Tarcísio se tornou a presença própria de todas as produções, sua alma já havia ganhado nossos corações, sua amabilidade própria de um galã era nítida, assim como sua consistência. As novelas passaram a fazer parte da vida das famílias brasileiras e Tarcísio Meira fazia parte das novelas, ele se tornou permanente nas histórias.

Foram muitos e grandes personagens na dramaturgia de sucesso por sua autenticidade como o Capitão Rodrigo de O Capitão e o Vento(1984), Renato Villar em Roda de Fogo(1986) Euclides da Cunha em desejos(1990) onde interpreta o Euclides de nossa literatura, sendo essa série inspirada na sua vida. Nos anos 2000 interpretou Dom Jerônimo Taveira, papel que lhe rendeu o prêmio de melhor ator através do Prêmio TV Press.

Ilha das Cabras - Divulgação, TV Globo

Atuou também no cinema de 1970 a 1980 tendo seu prestígio reconhecido, mas não deu ênfase como em sua carreira nas telenovelas, até pouco tempo as novelas eram a principal fonte de entretenimento da televisão brasileira sendo uma referência comportamental para gerações, tudo o que se comentava falavam, "você viu na novela?! Os jovens de hoje não sabem disso. Seu primeiro filme nas telonas foi Casinha pequenina(1963), ao lado do grande Mazzaropi, referência do cômico no cinema nacional. Ainda viveu grandes personagens como em Máscara da Traição(1969) As Confissões de Frei Abóbora(1971) Eu te Amo(1981) e ainda atuou em O Beijo no Asfalto(1970), de Nelson Rodrigues, dirigido por Bruno Barreto.

O casal ficou conhecido também por atuarem juntos em produções na teledramaturgia como em Irmãos Coragem(1970), Guerra dos Sexos(1983), A Favorita(2008). Foi produzido um especial com o casal enquanto temática Tarcísio & Glória(1988). Ele foi padrasto dos filhos de sua esposa frutos de um casamento anterior e juntos tiveram Tarcísio Filho, também ator e diretor da dramaturgia.

Tarcísio Meira, Tarcísio Filho e Glória Menezes

Tarcisio e Gloria se aposentaram em 2020 na TV Globo após 20 anos de casa, foram morar isolados em um sítio, tomavam todos os cuidados para evitar a contaminação do Covid a qual ainda se alastra pelo mundo e suas variantes, se vacinaram com as duas doses contra a doença e ainda assim se contaminaram. Depois de 06 dias internado junto com sua esposa ele nos deixou. Perdemos parte da alma da TV brasileira, parte da nossa memória em um corpo físico, em um sorriso, um sorriso lindo e radiante. O Brasil chora agora a perda de uma estrela das novelas, mas alguém com quem já convivemos diariamente, alguém com quem crescemos. Vi muito menos meus tios, via sempre Tarcisio.


Fonte: Wikipedia

Deixe o seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem